" />

17/07/17

Animações cearenses participam do 25º Festival Anima Mundi

Interno do sistema penitenciário participa da produção de curta-metragem que integra a programação da 25ª edição do Festival Anima Mundi (Foto: Divulgação)

A arte é uma expressão de liberdade. Por meio dela, 60 internos de três unidades prisionais do Ceará tiveram a oportunidade de externar seu olhar sobre suas vivências. As animações criadas por eles, representam o Brasil na 25ª edição do Festival Anima Mundi na categoria Futuro Animador, que acontece de 18 à 30 de julho em São Paulo e no Rio de Janeiro. Nos três curtas-metragens produzidos durante as oficinas do projeto Cine Ceará Itinerante em 2016, resultado da parceria entre a Casa Amarela Eusélio Oliveira e a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará (SEJUS), temas como ressocialização e o sonho da liberdade foram colocados em pauta.

Em A mais bela sonhadora, criado pelas internas do Instituto Penal Feminino Auri Moura Costa, o voo rumo à liberdade ilustra a espera pela volta à sociedade. Já no Instituto Penal Irmã Imelda Lima Pontes, que abriga condenados pela Lei Maria da Penha, as questões que levam às condenações pautam a narrativa do curta O X da questão. Em Oportunidade, os internos da Casa de Privação Provisória de Liberdade (CPPL IV), expõem as dificuldades que os ex-detentos enfrentam no retorno à sociedade e na reintegração ao mercado de trabalho.

A mais bela sonhadora, produzido no Instituto Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa (Foto: Divulgação)

A mais bela sonhadora, produzido no Instituto Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa (Foto: Divulgação)

Pela primeira vez, as oficinas do Cine Ceará foram ministradas em unidades prisionais. Com isso, a SEJUS espera mostrar à sociedade uma perspectiva diferente. “O interno é capaz de trabalhar a arte e cultura durante o período de reclusão, além de expressar um sentimento que traz a sensação de liberdade que eles almejam”, afirma Alexandre Pirajá, Coordenador-adjunto da Coordenadoria de Inclusão do Preso e do Egresso. Ele pontua também que, ao participar em atividades do tipo, o interno se mantém mais focado e disciplinado dentro das unidades.

As oficinas foram ministradas durante 3 dias em cada unidade, com a participação de 20 internos em cada turma, com faixa etária entre 21 e 60 anos. Os alunos se dividiram entre ilustração e colorização das animações. As turmas não tiveram defasagem, o que mostra o interesse deles pela atividade cultural. “Quando a gente vai para as escolas ou comunidades, a gente começa com 20 alunos, acaba com 15, 10... Nesse caso, não. Foram até o final”, afirma Telmo Carvalho, cineasta que orientou e dirigiu as atividades. O sucesso das oficinas levou a SEJUS a fechar, ainda em 2016, um convênio com a Casa Amarela Eusélio de Oliveira para a realização de novos ciclos formativos dentro das unidades em 2017.

Núcleo de Cinema de Animação

Aula de animação experimental no NUCA (Foto: Reprodução/Facebook)

Aula de animação experimental no NUCA (Foto: Reprodução/Facebook)

Em 1986, o então Núcleo de Cinema de Animação do Ceará foi implantado, por meio de convênio entre a Embrafilme e a National Film Board, pelos animadores Telmo Carvalho e Zé Rodrigues. Em 1993, o núcleo formalizou uma parceria com a Universidade Federal do Ceará e a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará para funcionar na Casa Amarela, passando a se chamar Núcleo de Cinema de Animação (NUCA).

O NUCA trabalha sob três eixos, Formação, Produção e Difusão, visando divulgar a animação, formar profissionais na área e oferecer produtos de qualidade técnica e cultural. Semestralmente, é promovido o curso básico em Cinema de Animação (60 horas/aula), onde são apresentados desde a história da animação mundial e brasileira até variadas técnicas, como 2D tradicional, stopmotion, recorte, light paint, dentre outros.

O núcleo promove também oficinas de animação básica em parceria com eventos e instituições, como a formação promovida aos internos em parceria com a SEJUS e dispõe de um cineclube que ocorre toda última sexta-feira do mês, o CINUCA, com animações de todo o mundo.

Tags:, , ,

Deixe uma resposta

*